Afora a TropicanAlice Metáforas a Parte Sou de Campos


24/05/2006


 

emanuelle goullart

 

A menina dos meus olhos

com os nervos à flor da pele

brinca de bem me quer

 

ela inda pensa que é menina

mas já é quase uma mulher

 

artur gomes

Escrito por artur gomes às 17h10
[ ] [ envie esta mensagem ]

23/05/2006


Movimento inVerso Especial
SabaSauers
apresentam:
A poesia sob o olhar e a inspiração feminina

“Poeta – porque em poetisa todo mundo pisa....” Leila Míccolis

Sexta, 26/maio . A partir de 20h . R$ 5,00

Subam a bordo da palavra! Um espaço aberto às múltiplas manifestações artísticas.
Tragam seu talento e sejam bem-vindos!

O Ponto M de Mônica Montone
(apresentando a Fina Flor da poesia)

A inspiração espiritual de Cristina da Costa Pereira
(apresentando: “Povos de Rua”)

Sônia Segadas em alta voltagem poética
Relançando “Marés”


Barteliê
R. Vinicius de Moraes, 190 - apto 03 - RJ
Ipanema (esquina com Nascimento Silva)

Lembrando que sexta que vem (2 de junho) tem Luciane Nardi
no Movimento in Pauta, lá mesmo no Barteliê.

http://movimentoinverso.blogspot.com
http://arteemtodaparte.blogspot.com

Escrito por artur gomes às 18h35
[ ] [ envie esta mensagem ]

jura secreta 3

 

fosse essa jura  sagrada

como uma boda de sangue

às 5 horas da tarde

 

a cara triste da morte

como uma faca de dois gumes

naquela nova granada

 

e federico garcia lorca

naquela  noite de espanha

não escrevesse mais nada

 

artur gomes

http://carnavalha.zip.net

http://www.letras.s5.com/archivoleolobos.htm

http://fulinaimagomes.zip.net

 

Escrito por artur gomes às 18h31
[ ] [ envie esta mensagem ]

Escrito por artur gomes às 18h31
[ ] [ envie esta mensagem ]

22/05/2006


Escrito por artur gomes às 13h39
[ ] [ envie esta mensagem ]

Que eu não perca a capacidade de amar, de ver, de sentir. Que eu continue alerta. Que, se necessário, eu possa ter novamente o impulso do vôo no momento exato. Que eu não me perca, que eu não me fira, que não me firam, que eu não fira ninguém. Livra-me dos poços e dos becos de mim, Senhor. Que meus olhos saibam continuar se alargando sempre.“

(Caio Fernando Abreu)



Escrito por artur gomes às 13h04
[ ] [ envie esta mensagem ]
Busca na Web: